APICULTURA: Projeto fortalece a exportação do mel catarinense

Chapecó – O Sebrae/SC firmou parceria técnica e financeira com a Cooperativa dos Apicultores de Santa Catarina (Coopasc), com sedes em Curitibanos e Videira, para o desenvolvimento do projeto de Internacionalização da Apicultura.

O objetivo é estimular a inserção da cooperativa no mercado externo através de um programa estruturado de internacionalização, que envolve ações como a disseminação da cultura empreendedora global, capacitação para exportação, marketing internacional, prospecção de novos mercados e fornecedores globais, além de participação em feiras e missões internacionais.

As ações do projeto iniciaram neste mês, quando foi embarcado o primeiro container de mel silvestre, tipo LA, com 18,8 toneladas, distribuídos em 66 tambores, para os Estados Unidos. O próximo container, com 72 tambores, que totalizam 20,5 toneladas, será exportado, no mês de agosto, para a Alemanha.

O projeto será implementado no decorrer de três anos e beneficiará os 116 associados da Coopasc, espalhados pelo o território catarinense. “O projeto prevê que até 2012, a Coopasc obtenha um acréscimo de 30% no faturamento, referente às transações correntes em comércio exterior”, salienta o coordenador de agronegócio do Sebrae/SC, Fabio Búrigo Zanuzzi.

O presidente da Coopasc, Luiz Celso Stefaniak, reforça que o projeto fortalecerá a comercialização do mel brasileiro. “O Brasil consome apenas 20% do mel que produz e o restante vendemos para o exterior. Estamos entusiasmados com o projeto que, além de fortalecer o nosso produto no mercado internacional, permitirá um retorno seguro ao apicultor”.

Os associados da Coopasc contabilizam 40 mil colmeias e produzem 1000 toneladas de mel ao ano. “Temos grandes expectativas para a concretização desse projeto, pois o mel brasileiro é considerado um dos melhores do mundo. Conseguimos produzir grandes volumes sem utilizar antibiótico”, expõe o diretor administrativo da cooperativa, Sérgio Arruda Kotchergenko.

O diretor complementa que a região serrana catarinense é a única no Brasil a produzir o mel de melato (extraído da árvore bracatinga) – produto altamente disputado pelas indústrias e consumidores do mercado europeu.

A meta é exportar duas mil toneladas anuais de mel. Para conquistar esse mercado, a Coopasc está buscando novos apicultores para associar-se à cooperativa.
Fonte: MB Comunicação Empresarial/Organizacional  www.defato.inf.br
Delegacia Sindical SC  049 33160266