Recentemente eu publiquei um post e realmente eu não esperava que ele atingisse 3 mil “likes” e centenas de comentários. O tema era simples: vá embora para casa no horário, não faça hora-extra a menos que seja realmente necessário e que isso seja uma exceção.

Ah Augusto, mas é impossível fazer o meu trabalho em 8 horas… ah, mas eu trabalho em uma agência de publicidade e isso não existe em minha área… já ouvi todos os tipos de desculpas neste sentido. Também já trabalhei na Finlândia e lá quase ninguém faz hora extra (não importa a área). Em outros países europeus também são raríssimos casos de empresas que exageram nas horas-extras. Por que lá é possível e aqui não é?

Como empreendedor, eu acredito que eu também sou mais produtivo quando trabalho menos horas, porém de forma focada. Eu não compro a idéia que o empreendedor tem que trabalhar 20 horas por dia para ter sucesso. Abdicar de sua vida pessoal nunca pode ser considerado “um sucesso”.

Por que eu acho que devemos todos sair do nosso trabalho no horário?

  • O trabalho não tem fim: simples assim, sempre será possível fazer mais alguma coisa, da mesma forma em que sempre haverá um amanhã. Tem um prazo para cumprir? Planeje-se! Ou mostre para seu chefe que vocês precisam se planejar melhor.
  • Seus clientes são importantes, mas sua família também é! Não subestime o impacto positivo do contato com sua família e seus amigos.
  • Se algo der errado no trabalho, nem seu chefe, nem seu cliente o ajudarão, mas sua família e verdadeiros amigos, estarão presentes para apoiá-los. Quem já perdeu um emprego ou começou um negócio próprio, sabe o quão solitária pode ser esta caminhada se você não tiver a família e seus amigos de verdade para apoiá-lo.
  • A vida não é apenas trabalho (por mais que você goste do seu trabalho): experiências fora do ambiente de trabalho, fazem você crescer como ser humano, aprecie estes momentos e isso terá um impacto positivo em sua carreira também. Aventure-se e não deixe de lado as coisas que você gosta para focar 100% no trabalho.
  • Alguém que fica até tarde no escritório, não está necessariamente produzindo mais: isto segue a mesma linha que mencionei sobre as empresas na Europa, as pessoas trabalham menos horas, porém de forma mais produtiva. Quando eu comecei a trabalhar havia uma cultura de que era “bonito” ficar no escritório até tarde (quando eu tinha 22 anos eu adorava isso). Algumas empresas e setores ainda vivem nesta cultura corporativa e sei que muitos vão discordar deste ponto. Uma empresa inteligente e um chefe inteligente sabem diferenciar horas trabalhadas x resultados produzidos.
  • Seu chefe “obriga” a todos a trabalharem até tarde, porque ele(a) trabalha até tarde: você está trabalhando com a pessoa errada, isso acontece, mas tente impactar no planejamento das atividades.

Falar sobre “Work-Life Balance” é algo comum atualmente, porém no meu modo de ver, a maioria das empresas está distante disso no Brasil.

Como eu mencionei anteriormente, podemos inventar as desculpas que quisermos para trabalharmos todos os dias até tarde, mas a vida não espera e o tempo passa rápido, muito rápido.

 

Por:

Augusto Rocha

Co-founder e Outliers Academy Course Developer e Happy Chocoholic